09
Ago 09

 

 

 

 

 

Quando saio porta fora

Ela fica a chorar sózinha

Ao regresso ao fim  duma hora

Já ela está sossegadinha

 

Ela é preta e amarela

E é muito ternurenta

Quando  quero brincar com ela

Pula, pula que não se aguenta

 

 

A minha gata tem nove anos, e hoje lembrei-me de a homenagear com estas duas quadras.

 

 

 

publicado por estrelaemo às 15:08
sinto-me: Eletrica

6 comentários:
este belo poema! Parabéns realmente emocionante e excitante!
vivere in spagna a 9 de Abril de 2010 às 12:48

Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


arquivos
mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO